Home.
Quem somos.O que fazemos.Na prática....Que há de novo?.Escritos.Clientes.Contactos & Links.
Back.
Next.
Previous.
Implementação    de Projectos  
de Mudança          Comportamental
Grupos em Mudança
(pag. 2#3)
Na linha do pensamento de Kurt Lewin, poderá dizer-se que o comportamento de qualquer indivíduo é função dele, da sua estrutura de personalidade, e do meio envolvente em que está mergulhado. O seu comportamento é apenas a sua reacção pessoal à sua situação.

Resumindo esta perspectiva numa formula:

                                      C=f(P,M)

onde o comportamento (C) de qualquer indivíduo é função dele (P) e do meio que o pressiona (M).

De acordo com este modelo, a mudança comportamental pode realizar-se actuando em duas áreas: a personalidade (P) do indivíduo e o meio envolvente (M).
Ver pag 171 e seguintes,
Gestão na Administração Pública
Paula Silveira, Nelson Trindade
Ed. Presença, Lisboa
No plano empresarial, a mudança da estrutura organizacional (hard organization) tem que ser complementada e integrada com a mudança comportamental (soft organization). As duas áreas sinergizam-se sempre (ou positiva ou negativa) mutuamente.

Em consequência, é necessário estabelecer  um plano integrado, cuja calendarização tipo tem a seguinte forma:
Ver Estratégia
2. Plano-Mapa